Ronco e Apnéia

O Ronco é causado pela vibração dos tecidos da garganta (palato mole e úvula), cada vez que o ar passa e as vias aéreas se estreitam. Este ruído, que parece ser inofensivo, pode estar ligado a um distúrbio respiratório que requer cuidados e tratamentos especiais.

O Ronco é um sinal, um alerta, que as vias aéreas estão estreitas durante o sono. Quando o ar passa por estas vias aéreas estreitas causa vibração dos tecidos da garganta (palato mole e úvula) gerando o barulho que chamamos de ronco. Durante o ronco, o ar passa com dificuldade, porém sem interrupções. O Ronco é um problema sério que deve ser sempre avaliado,nunca roncar é normal. O ronco pode estar alertando para a existência de uma doença chamada Apnéia do Sono.

A Apnéia é o fechamento repetitivo da passagem do ar pela garganta durante o sono.

A Apnéia Obstrutiva do Sono ocorre quando a obstrução (fechamento) das vias aéreas causa interrupções na passagem do oxigênio que podem durar de 15 a 45 segundos.

Quanto maior o grau de obstrução (fechamento) das vias aéreas, maior a probabilidade de desenvolver a Apnéia do Sono. O grau de obstrução das vias aéreas superiores esta frequentemente relacionado à obesidade,hipertensão, hipotonicidade (flacidez) da musculatura,hipertrofia(aumento) de tonsilas e úvula, uso de relaxantes musculares, sedentarismo, álcool, drogas, envelhecimento, respiração bucal, decúbito dorsal (dormir de barriga para cima), retrognatia (queixo para trás) e macroglossia (língua volumosa).

As interrupções na respiração podem levar à conseqüências como hipertensão arterial, hipersonolência diurna, infarto do miocárdio, AVC (acidente vascular cerebral) e outras doenças. A Apnéia do Sono é uma doença séria, que acomete menos porcentagem da população, mas que possui tratamento.

Portanto fique atento aos principais sinais:

  • Hipersonolência diurna
  • Engasgos durante o sono
  • Despertares freqüentes(sono fragmentado,interrompido)
  • Dor de cabeça ao acordar
  • Ronco alto, freqüente e com interrupções
  • Aumento de peso
  • Desânimo freqüente
  • Suor intenso durante o sono

Se você tem alguns destes sinais ou sintomas, previna-se, cuide-se, trate-se.

Lembre que o Ronco e a Apnéia do Sono possuem tratamentos eficientes. Leia mais sobre em Tratamentos.